Brasil

Bolsonaro mantém boa evolução clínica após cirurgia de retirada da bolsa de colostomia

A cirurgia a que o presidente Jair Bolsonaro (PSL) foi submetido para a retirada da bolsa de colostomia na última segunda-feira (28) no Hospital Albert Einstein, em São Paulo, terminou após sete horas de procedimento.

O procedimento ocorreu “com êxito”, segundo informou o Palácio do Planalto. De acordo com o boletim médico divulgado pelo hospital, a cirurgia foi realizada “sem intercorrências e sem necessidade de transfusão de sangue”.

Um novo boletim médico divulgado pelo Hospital Albert Einstein, nesta quinta-feira(31), informou que o presidente Jair Bolsonaro mantém boa evolução clínica e não apresenta sinais de infecção, mas segue com visitas restritas. “Não há disfunções orgânicas e os exames laboratoriais estão estáveis. Continua em jejum oral, recebendo os nutrientes por via endovenosa. Estão sendo mantidas as medidas de prevenção de trombose venosa e realizados exercícios respiratórios, de fortalecimento muscular e um período de caminhada fora do quarto”, diz o boletim, que é assinado pelos médicos Antônio Luiz Macedo, Leandro Echenique e Miguel Cendoroglo.

Categorias
BrasilGeralNotíciasPolítica
FACEBOOK