Em destaque

Ministério Público vai investigar preço alto da gasolina em postos de São Gabriel da Palha e Vila Valério

O Ministério Público do Espírito Santo (MPES), por meio da Promotoria de Justiça de São Gabriel da Palha vai investigar o preço alto da gasolina vendida nos postos de São Gabriel da Palha e Vila Valério; mesmo com o anúncio de redução nas refinarias, a denúncia apresentada ao MP, aponta que os postos não repassaram as reduções anunciadas pela Petrobras no mês de outubro. Por outro lado, quando anunciado a alta nas refinarias esse percentual é repassado nas bombas no dia seguinte, aponta a denúncia.

O promotor de justiça Hudson Colodetti Beiris, conversou com a reportagem do Portal Momento e confirmou a denúncia, ele disse que será apurada pelo MP, ainda de acordo com o promotor o próximo passo é a notificação dos proprietário de postos solicitando algumas informações, ” O que posso adiantar é que o Ministério Público vai apurar essa denúncia observando se houve crime ou restrição dos direitos do consumidor “, comentou o promotor.

Em contato com o representante dos postos de São Gabriel da Palha, Pedro Luiz Azeredo (Polaco), o empresário foi questionado sobre as reduções seguidas anunciadas pela refinaria e não repassada pelos postos, ele informou: “depende da companhia (distribuidora), pois se ela tiver um estoque muito alto, ela vai esperar baixar esse estoque para repassar, eu creio já devem repassar essa redução pra gente, estive conversando com a companhia ontem sobre isso e eles me disseram que não vão demorar muito para repassar para nós (postos de combustível), temos que baixar sim, eu concordo;  porque se a refinaria baixou, as distribuidoras são obrigadas a baixar o preço também”, comentou Polaco.

A Petrobras informou que o valor cobrado ao consumidor nas bombas não depende exclusivamente da Petrobras. Tributos e margens de comercialização compõem o preço final, mas reafirmou que mesmo com os impostos pode haver redução do preço nas bombas, e isso fica a cargos dos donos de postos de combustíveis.

A Petrobras havia anunciado mais uma redução para as compras nas refinarias nesta terça-feira, o custo do litro baixou de R$ 1,8466 para R$ 1,7293, o que significa uma redução de 6,35%. A partir desta quarta-feira (8), o litro vai baixar ainda mais, a Petrobras anunciou uma baixa de R$ 1,7293 para R$ 1,7165. Com essa nova queda de 0,74%, o custo será o menor dos últimos meses.

Categorias
Em destaqueGeralNotícias
FACEBOOK