Notícias

Arma, drogas e 3 pessoas são presas durante operação policial em Nova Venécia

Em Nova Venécia as polícias Civil e Militar deflagaram durante a madrugada dessa sexta-feira (1°), a segunda fase da “Operação Hope”, os policiais cumpriram mandados de busca em residências nos bairros Bomfim e Aeroporto, onde  três pessoas acabaram presas. De acordo com a PM durante as buscas no Bairro Bonfim, um rapaz fugiu pelos fundos da residência durante o cerco e tentou atirar contra os policiais .

“Ele saiu correndo de sunga com uma arma na mão e tentou atirar contra os policiais, que revidaram os disparos, o adolescente saltou por muros e telhados das residências vizinhas, mas foi alcançado pelos policiais, na residência onde ele estava os policiais encontraram 16 pedras de crack, 03 papelotes de cocaína, 03 buchas de maconha, um aparelho celular e R$ 50 em dinheiro”, disse o tenente coronel Mário Marcelo Dal Col, comandante do 2°Batalhão.

O rapaz foi identificado por Josué, ele acabou detido, a arma que ele portava era uma pistola 840 calibre .40 de uso restrito das forças policiais estava com a numeração raspada, segundo a polícia ele estava com dois carregadores alongados e com 20 munições, a arma foi apreendida.

Os policiais também cumpriram mandados de buscas em outras residências e apreenderam mais 28 buchas de maconha escondidos embaixo de uma cama, 284 pinos de cocaína também foram encontrados em outra residência, os detidos foram Augusto Oliveira, de 19 anos; Elimar dos Santos Oliveira, de 22 anos e um homem de 58 anos que não foi identificado. Todos foram conduzidos para a delegacia de Polícia Civil de Nova Venécia.

A “operação Hope” contou com a participação de 84 policiais, sendo 57 militares e  27 civis e nessa segunda fase resultou na prisão de 7 pessoas ligadas ao tráfico em São Gabriel da Palha e Nova Venécia, para o tenente coronel Dal Col e os delegados de Nova Venécia e São Gabriel da Palha, o sucesso da operação faz parte da integração entre as Polícias Civil e Militar, o Ministério Público e o Poder Judiciário. “Essa integração vem trazendo resultados expressivos no combate a criminalidade, bem como na confiabilidade da população nas forças policiais”, ponderou o tenente coronel Dal Col.

Categorias
NotíciasPolicial
FACEBOOK