Brasil

Caminhoneiros cogitam nova paralisação em todo o país no próximo dia 16



PUBLICIDADE



Os caminhoneiros do Brasil anunciaram uma nova paralisação nacional no próximo dia 16 de dezembro em todo o país, em protesto, principalmente, contra a alta dos preços dos combustíveis. A promessa de uma grande greve foi feita nessa sexta-feira (6), por um dos líderes da categoria, Marconi França, durante reunião  com a Central Única dos Trabalhadores do Rio de Janeiro (CUT-RJ), a quem pediu apoio, e representantes de vários estados. “O Brasil vai parar”, ele garantiu.

O representante da categoria também pediu a solidariedade de toda a população: “Você, dona de casa, pai de família, que não está satisfeito com o preço da gasolina, com o preço do óleo diesel, com o preço do bujão de gás. Junte-se a nós, que essa briga é de todos, não é só nossa”, convocou.

------- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -------

França afirmou que “pelo menos 70%” dos cerca de 4,5 milhões de profissionais autônomos e celetistas vão parar em todo o país. O motivo é a insatisfação da categoria com o governo Bolsonaro, que, segundo o representante da categoria, não cumpriu o que prometeu aos trabalhadores. “O governo não cumpriu nada do que prometeu. O preço do óleo diesel teve 11 altas consecutivas, em 2019.

O líder do movimento disse ainda que a duração do protesto não foi definida, ou seja, não se sabe se será prolongado por mais dias, e destaca que existe um “racha” na categoria dos caminhoneiros. “Cerca de 30% ainda acreditam no governo. Mas nós temos certeza de que vão se conscientizar da necessidade de melhores condições de trabalho para a classe que faz a economia do Brasil girar”, destacou.

------- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -------


Categorias
BrasilEconomiaEm destaqueGeralNotícias
FACEBOOK
PUBLICIDADE
------- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -------

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE