Notícias

Delegado pede ajuda da população para localizar e prender os assassinos do menino Vitor Alvarenga

O delegado Rafael Caliman falou em entrevista ao Portal Momento nessa terça-feira (20) sobre o andamento da investigação sobre a morte do menino Vitor Alvarenga Sperandio, de 13 anos; morto á tiros na noite dessa segunda-feira no bairro Cachoeira da Onça, o delegado descartou que a hipótese de “bala perdida”, e disse que o menino pode ter sido confundido com traficante ou até pelo fato de ter amizade com pessoas envolvidas com tráfico.

Imagens de câmeras de monitoramento que registraram o momento do crime foram recolhidas e analisadas pelos investigadores, segundo o delegado nas imagens é possível ver que dois indivíduos se aproximam em uma moto, o adolescente estava sentado em um ponto de ônibus em frente a escola, os indivíduos retornam e seguem em direção ao adolescente, que percebe a chegada e sai correndo, ele foi seguido e baleado.

O crime aconteceu por volta das 20:20 na rua Wilson Techio, próximo a escola do bairro Cachoeira da Onça. Segundo os policiais, ao chegarem no local do crime encontraram o menino caído e desacordado no colo da mãe. Ele foi atingido na cabeça e no braço direito e chegou a ser socorrido por uma ambulância para o Hospital São Gabriel, mas morreu ao dar entrada no hospital. Confira o depoimento do delegado Rafael Caliman.



Categorias
NotíciasPolicial