Economia

Economia capixaba reage e tem crescimento em novembro, aponta dados da Fecomércio




PUBLICIDADE



Com a economia brasileira dando sinais recentes de recuperação, as vendas do comércio capixaba tiveram um avanço de 3,2{9a050057d6642e325d5535ce07d5042bc3f00a2d284e1692da94b3e151c21cb5} em novembro do ano passado, em comparação com novembro de 2016. Os dados são da Pesquisa Mensal de Comércio (PMC), realizada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

O comércio varejista ampliado, na comparação entre novembro de 2016 e 2017, registrou que seis dos dez segmentos pesquisados apresentaram variação positiva. Um dos maiores destaques foi o setor de equipamentos e materiais para escritório, informática e comunicação, com crescimento de 53,2{9a050057d6642e325d5535ce07d5042bc3f00a2d284e1692da94b3e151c21cb5}.

O presidente da Federação do Comércio de Bens e Serviços e Turismo do Espírito Santo, José Lino Sepulcri, listou alguns dos setores que tiveram bons números no final de 2017. “Equipamentos e materiais para escritório e informática cresceu 53,2{9a050057d6642e325d5535ce07d5042bc3f00a2d284e1692da94b3e151c21cb5}, Veículos, motocicletas, partes e peças teve um crescimento perto de 51{9a050057d6642e325d5535ce07d5042bc3f00a2d284e1692da94b3e151c21cb5}, a venda de eletrodomésticos teve um aumento de 39{9a050057d6642e325d5535ce07d5042bc3f00a2d284e1692da94b3e151c21cb5} e também a parte de móveis”, disse.



Na avaliação do presidente da Fecomércio, ainda que seja tímida, o resultado positivo precisa ser comemorado e reflete o momento de parcial recuperação da economia nacional. “A partir do segundo semestre a economia deu ares de crescimento. Para nós foi altamente positivo, porque a taxa de juros caiu pela metade. Isso contribuiu para que as famílias voltassem a fazer suas compras”, concluiu o representante da Fecomércio.

Em relação aos bons números do setor especializado em informática, o vendedor Diego Cristo Ferreira, que trabalha em uma loja de informática de Vila Velha, diz que a venda de jogos eletrônicos manteve o setor aquecido. “A área de informática a gente vê com uma válvula de escape, porque a área de games não é muito afetada. O Brasil é o segundo maior consumidor de games, depois da Rússia, e nós estamos vivendo disso”, disse o vendedor.

No Brasil, o crescimento dos índices do varejo ampliado em novembro foi de 3,7{9a050057d6642e325d5535ce07d5042bc3f00a2d284e1692da94b3e151c21cb5}. A expectativa da Fecomércio é para que o crescimento do comércio capixaba em 2018 seja 5{9a050057d6642e325d5535ce07d5042bc3f00a2d284e1692da94b3e151c21cb5} maior que os números de 2017.

Fonte: CBN Vitória


Categorias
EconomiaEm destaque
PUBLICIDADE
------- PUBLICIDADE -------

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Close Bitnami banner
Bitnami