Em destaque

Grupo de advogados se juntam de maneira voluntária para defender “pastor” George

Um grupo de cinco advogados capixabas e mineiros fará a defesa de Georgeval Alves Gonçalves, mais conhecido como pastor George Alves, pai do menino Joaquim, 3 anos, e padrasto de Kauã, 6anos; as crianças morreram carbonizados durante incêndio na casa em que moravam, em Linhares no último dia 21 de abril.

Um dos advogados é o mineiro Rodrigo Duarte, que também é pastor, segundo informações de Abisai Junior, que é amigo pessoal de Geogerval Gonçalves. Uma advogada, que faz parte do grupo da defesa e preferiu não se identificar, disse que todos são voluntários. “Somos uma junta de advogados voluntários para atuar no caso. Ainda não tivemos acesso ao inquérito policial porque está em segredo de justiça”, disse.

Categorias
Em destaqueRegional
Facebook Pagelike Widget
------- PUBLICIDADE -------