Política

Morre aos 69 anos, a jornalista, publicitária e “marqueteira política” Bete Rodrigues

A jornalista e publicitária Bete Rodrigues morreu na noite deste domingo (12), de acordo com informações da família, ela morreu em casa, na Praia do Canto, em Vitória, aos 69 anos. O filho Pedro Roque disse que Bete estava tratando uma infecção urinária forte. Ela sentiu-se mal quando estava deitada. O filho contou que chegou a fazer massagem cardíaca na mãe por cerca de 10 minutos até a chegada do socorro, mas ela não resistiu. Ele acredita que Bete foi vítima de uma parada cardíaca.

Além de Pedro Roque, Bete deixa outros dois filhos. Bete ficou conhecida pelas campanhas políticas que comandou no Espírito Santo e em outros Estados do país a partir da década de 80. Bete coordenou as campanhas de todos os governadores eleitos no ES desde 1990. Ela também foi fundadora do curso de Comunicação Social da Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes).

“Recebi com muita tristeza a notícia do falecimento da jornalista e publicitária Bete Rodrigues. Uma profissional de grande competência, cuja genialidade marcou o marketing político no Espírito Santo. Trabalhamos juntos em duas ocasiões. Meus sentimentos à família e aos amigos”, disse o governador Renato Casagrande (PSB) em uma rede social.



A Ufes divulgou nota de pesar pela morte da jornalista. “Em nome de toda a comunidade acadêmica, a Administração Central da Ufes manifesta sua solidariedade aos familiares e amigos da professora”, diz parte da nota.

Categorias
Política