Policial

Motorista de ambulância é preso ao usar o veículo para transportar drogas

Um motorista de ambulância acabou preso durante uma abordagem da Polícia Rodoviária Federal  na madrugada do último sábado (15), na região de Nova Mamoré, município de Rondônia na fronteira com a Bolívia, o motorista transportava na ambulância 63 quilos de cocaína. O motorista, não teve a identidade divulgada pela polícia, ele tem 43 anos, e é servidor da prefeitura, além dele um passageiro foi preso. De acordo com a PRF não havia pacientes no veículo, somente o motorista e o passageiro.

Abordagem

A ambulância foi abordada por policiais rodoviários que faziam patrulhamento pela BR-364, quando observaram o veículo entrando na região conhecida como “Silos”. Isso levantou a suspeita e o motorista foi parado. Ao ser questionado sobre o itinerário, durante a madrugada, o servidor afirmou que estava indo buscar um paciente. No entanto, ao perceber o nervosismo dos dois, os policiais decidiram fazer buscas nas caixas com nomes de medicamentos.

Segundo a PRF antes mesmo de serem abertas, o motorista indicou que estava levando cocaína. Ele ainda declarou à PRF que tinha facilidade de pegar a ambulância sem autorização da prefeitura por ter muito tempo de casa. O homem é servidor do local há 18 anos. Ao todo, os policiais encontraram 63 tabletes de cocaína, cada um com um quilo. Todos escondidos em caixas de remédios. Os homens receberiam R$ 10 mil pelo transporte da droga.

A prefeitura de Nova Mamoré publicou nota de esclarecimento sobre o fato. Segundo explicou no documento, o órgão “tomou conhecimento sobre uma ambulância, placa RSX-4F70, Renault Master Raytec, cor branca, veículo da frota da Secretaria Municipal de Saúde, que havia sido apreendida transportando drogas, e que foram presos o motorista e um passageiro”.



Após entrar em contato com a polícia e esclarecer os fatos, a prefeitura decidiu instalar um processo administrativo disciplinar (PAD) para que seja apurada a conduta do servidor envolvido. Assim, serão tomadas as devidas providências, diz a prefeitura em nota.

Categorias
Policial
Facebook Pagelike Widget
------- PUBLICIDADE -------