Em destaque

Relatório mostra situação precária do DML de Vitória, Governo diz que vai construir um novo prédio



PUBLICIDADE



Um relatório apresentado pelo Sindicato dos Policiais Civis do Espírito Santo apontou que a estrutura do Departamento Médico Legal (DML) de Vitória está precária, infiltrações, falta de refrigeração adequada e equipamentos em péssima qualidade de uso. Na última segunda-feira (2), um princípio de incêndio foi registrado e assustou o funcionários, que tiveram que sair às pressas do local, um ar condicionado modelo antigo teria dado curto e pegado fogo.

Em fotos feitas pelo Sindicato da Polícia Civil no decorrer dos últimos três anos é possível ver vazamento de água embaixo de uma das macas, água perto das geladeiras usadas pra guardar os corpos, quadro elétrico cheio “gambiarras” ao lado de um dos refrigeradores. “A gente vem fazendo inspeções sindicais e essas fotos mostram a realidade ao longo desses anos e que ainda hoje permanece, porque nada foi feito depois dessas inspeções”, disse o diretor de comunicação do Sindipol, Átila Mendes.

------- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -------

Na última inspeção realizada em março deste ano pelo Sindipol foi constatado o risco de curto-circuito no local. Além disso, eles também identificaram que o DML não possui sistema de climatização, o que acelera o processo de decomposição dos corpos. “Sem dúvida o risco é muito grande, principalmente na questão da insalubridade. No local onde lavam os corpos, a água não tem um sistema de escoamento e o policial fica exposto”, disse Átila.

Em outras fotos é possível ver caixões jogados no chão em locais onde não deveriam estar. Faltam armários e sobra improviso: em um dos espaços, a mesa de escritório está ao lado de uma pia, o que também prejudica e traz riscos aos funcionários. “Por sorte não tivemos um problema maior. Se o incêndio tivesse acontecido em um período de pico maior e tivesse se alastrado, seria realmente uma tragédia, e que poderia ser evitada com uma manutenção predial do DML”, disse.

------- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -------

O que disse o governo

O Governo do Espírito Santo informou que a Polícia Civil já tem o dinheiro em caixa para a construção de uma novo prédio para o DML funcionar, a informação foi dada pelo chefe do Departamento, Wanderson Lugon. “A gente trabalha aqui realmente em um prédio com a estrutura antiga, que funciona aqui há 41 anos já, e os problemas que a gente tem aqui geralmente são decorrentes da estrutura antiga que a gente tem, mas sempre que aparece um problema pontual, a gente tenta consertar. A gente tem manutenção preventiva em alguns setores e algumas questões aqui do DML. Temos uma verba já disponibilizada de R$ 11 milhões para a construção de uma nova sede da SPTC, que vai ser um centro integrado de perícias. A previsão de ficar pronta é daqui uns 3, 4 anos, já está em fase de liberação de projeto, e a gente espera contar mesmo com uma estrutura digna a partir daí, de trabalho para nós servidores e também de atendimento para a população”, explicou.

------- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -------

Com informações: G1ES


Categorias
Em destaqueEstadoNotíciasVitória
FACEBOOK
PUBLICIDADE
------- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -------

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE