Linhares

Vereador acusado de ser o mandante do assassinato do ativista político Jonas Soprani é preso em Minas Gerais

A Polícia Civil de Minas Gerais prendeu em Belo Horizonte o vereador de Linhares Waldeir de Freitas (PTB),de 58 anos, ele é investigado e acusado de ser o mandante do assassinato do ativista Jonas Soprani, assassinado a tiros na noite do dia 23 de junho, em um bar do bairro Novo Horizonte. O vereador estava hospedado em um hotel em Belo Horizonte para participar de um curso quando os policiais o prenderam.

De acordo com a Polícia Civil, o vereador é apontado como mandante do crime, os executores são os irmãos gêmeos Cosme Damaceno e Damião Damaceno que foram presos no último dia 20 de julho em Cariacica; além deles um terceiro suspeito de participar do crime foi identificado e está sendo procurado.

De acordo com o delegado da DHPP de Linhares, Tiago Cavalcante, há indícios de crime de pistolagem e que poderia estar ligado a motivações políticas. A declaração foi dada pelo delegado dias após o crime. Jonas Soprani criticava a atuação de políticos e chegou a fazer várias denúncias no Ministério Público, ele foi candidato a vereador de Linhares nas eleições de 2020, mas não se elegeu.

Uma equipe da Polícia Civil de Linhares foi enviada para Belo Horizonte para buscar o vereador que está detido na carceragem da PC.



Categorias
LinharesPolicial
Facebook Pagelike Widget
------- PUBLICIDADE -------