Covid-19

Governo do ES amplia oferta de testagem de covid-19 no Hospital Jayme Santos Neves

O Governo do Espírito Santo está ampliando a oferta de testagem para a covid-19 no Hospital Estadual Dr. Jayme Santos Neves, na Serra. A unidade é referência para tratamento da doença no estado. A partir deste sábado (22), o local vai ofertar até 1.200 testes por dia. O anúncio foi feito pelo governador Renato Casagrande (PSB), na manhã desta quinta-feira (20).

Serão ofertados testes de antígenos com resultado entre 30 e 40 minutos a toda população acima de seis meses de idade, por meio do agendamento realizado no site www.agendamento.saude.es.gov.br. O ponto de testagem funcionará todos os dias da semana, inclusive feriados, das 7h30 às 11h30 e das 13h30 às 18h.

Excepcionalmente, nesta quinta e sexta (21), serão ofertados 500 testes de antígenos por agendamento. O horário de atendimento na quinta é das 12h às 18h e, na sexta, das 7h30 às 11h30 e das 13h30 às 18h. Além do ponto de testagem no Hospital Jayme Santos Neves, o interessado pode identificar outros pontos ofertados pelo estado e municípios na aba “testagem” do site www.vacinaeconfia.es.gov.br.

“Estamos fazendo um investimento forte em testagem. Para que a gente tenha mais pontos de livre testagem. Não há necessidade de prescrição médica para marcar os testes. Mais uma vez nesse enfrentamento à pandemia, o Hospital Jayme dos Santos Neves vai cumprir um papel importante, respondendo à demanda da população. O teste e o isolamento de casos positivos são fundamentais para interromper a cadeia de transmissão do vírus. Vamos ampliar também o horário de funcionamento dos pontos de testagem”, afirmou o governador.

 



Casagrande anunciou também que a notificação do sistema e-SUS em caso de resultado positivo servirá como atestado médico.

“Essa é outra ação importante, pois muitas pessoas infectadas vão até às unidades de saúde apenas para pegar um atestado médico. Estamos ampliando os leitos para acolher as pessoas infectadas, mas é preciso avaliar semanalmente se precisaremos abrir mais. Estamos revertendo 300 leitos que estavam disponíveis para outras doenças para serem exclusivamente para pacientes com a covid”, declarou.
Categorias
Covid-19EstadoNotícias
Facebook Pagelike Widget
------- PUBLICIDADE -------