Em destaque

Solenidade no 38º Batalhão de Infantaria marca as comemorações de 7 de setembro

O dia 7 de setembro, dia da independência do Brasil foi comemorado de forma restrita devido a pandemia do covid-19, sem os tradicionais desfile,o Governo do Estado realizou o evento de Independência, em solenidade no 38º Batalhão de Infantaria do Exército, na Prainha, em Vila Velha.  O governador Renato Casagrande; a vice-governadora Jaqueline Moraes; e o comandante da Guarda Civil de Vila Velha, Yuri de Souza Silva, hastearam as bandeiras do Brasil, do Espírito Santo e do município. Durante a solenidade, foi feito um minuto de silêncio em homenagem às vítimas da covid-19.

Quatro helicópteros do Núcleo de Operações e Transporte Aéreo (Notaer) sobrevoaram o 38° BI com as bandeiras do Brasil e Espírito Santo e seguiram pelas orlas da cidade de Vitória e Vila Velha. O governador do Estado, Renato Casagrande, falou sobre a solenidade ser realizada de forma restrita e ressaltou os desafios que ainda necessitam ser enfrentados. “Esse é um 7 de setembro totalmente diferente, seguindo as orientações dos profissionais de saúde. Mas não podíamos deixar de fazer essa homenagem ao Brasil. Temos de comemorar, mas sabemos dos desafios. A pandemia é um desafio, a desigualdade e concentração de riqueza são outros desafios que também temos de enfrentar. Temos mazelas que não foram resolvidas. Estamos comemorando e relembrando nossas tarefas. Uma nação vive de símbolos e o 7 de setembro é um símbolo importante. Fazer este registro, esta homenagem é mostrar o sentimento de brasilidade, um espírito de nação”, pontuou.

Também estiveram presentes: o comandante da Capitania dos Portos no Espírito Santo, capitão de Mar e Guerra, Washington Luis de Paula; o comandante do 38º BI, coronel Marcelo Alves Pinto; o secretário de Estado da Segurança Pública e Defesa Social, coronel Alexandre Ramalho; o comandante-geral da Polícia Militar do Espírito Santo, coronel Douglas Caus; o comandante-geral do Corpo de Bombeiros Militar do Espírito Santo, coronel Alexandre dos Santos Cerqueira; e o comandante da Escola de Aprendizes de Marinheiro do Espírito Santo, capitão de Fragata Márcio Hersher Stalone.



Comentar
Categorias
Em destaqueEstadoGeralNotícias
------- PUBLICIDADE -------

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Close Bitnami banner
Bitnami